10 de setembro de 2014

Sitcoms que Ninguém Vê: Brooklyn Nine-Nine


Esse é o primeiro post da série Sitcoms que Ninguém Vê. Pra começar, escolhi uma série que, se você acompanha esse mundo, você já viu ou, pelo menos, sabe dela. Tecnicamente, ela não se encaixaria, mas eu sou o autor desse post e criador dessa coluna, então escolhi ela e pronto - rs. Brooklyn Nine-Nine estreou no começo da temporada passada com 22 episódios pela FOX e foi renovada para a segunda temporada antes mesmo do break de fim de ano.

Com uma ideia um pouco diferente das sitcoms normais, ao invés de uma família estranha, um grupo de amigos engraçados ou um grupo de trabalhadores disfuncionais, a série tem como base uma delegacia (a do nome da série) e seu grupo de policiais e casos estranhos. Parando para pensar, ela se encaixaria nos trabalhadores disfuncionais, mas a única sitcom de policiais que eu conheço antes de Brooklyn Nine-Nine é uma série chamada Reno 911, que durou 6 temporadas no estilo mockumentary.


Estrelada por Andy Samberg (SNL), Brooklyn conta com um elenco mesclando caras conhecidas no mercado, como Terry Crews (Everybody Hates Chris) e Andre Braugher (Last Resort), e nomes novos, como Melissa Fumero e Stephanie Beatriz. A série começa com a chegada do novo Capitão Ray Holt (Braugher) na delegacia que tem os detetives Jake Peralta (Samberg), Amy Santiago (Fumero), Charles Boyle (Joe Lo Truglio) e Rosa Díaz (Beatriz), o Tenente Terry Jeffords (Crews) e a assistente Gina Linneti (Chelsea Peretti). A escalação parece perfeita. Todos os atores se encaixaram nos seus personagens e a química funciona muito bem entre eles.

A narrativa rápida, com piadas inteligentes e bobas, prende o espectador. O enredo gira em torno dos casos (com direito a participações especiais) e das relações, tanto as passadas (Jake e Chelsea são amigos desde crianças) quanto as novas (como a festa de aniversário do Capitão), das pessoas que trabalham por lá. A série ganhou o Globo de Ouro como Melhor Série de Comédia de 2013, ainda no meio da sua primeira temporada, além de Andy Samberg ter levado o prêmio de Melhor Ator em Séries de Comédia.


Por que ver?

É inteligente e boba, sem ficar chata e foi, sem dúvida nenhuma, a melhor sitcom que estreou no ano passado. Com uma excelente química entre os atores e um arco de histórias interessante, ainda mais para uma sitcom, a série flui muito bem do primeiro ao último episódio. As participações especiais de Craig Robinson (The Office) e Adam Sandler, assim como as recorrentes de Fred Armisen (SNL) como Mlepnos, Dean Winters como "The Vulture" e Patton Oswalt dão ainda mais gás - e risadas, claro - na série.

Por que não ver?

Tive que quebrar a cabeça para chegar a uma conclusão de porque não ver essa série. Confesso, sou fanático por ela. Então, digo isso: se você prefere aquela sitcom clássica, onde as risadas estão gravadas e os cenários são sempre os mesmos, é melhor nem começar a ver. Brooklyn só tem um cenário fixo (a delegacia) e a maior parte das filmagens é feita em locações e/ou externas, dando um ar mais realista à produção. As risadas gravadas são dos próprios atores/personagens em cena e elas nem sempre te guiam.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...